Fundos imobiliários ou ações, qual escolher?

Hélio Laniado – Fundos imobiliários ou ações, qual escolher? – Por Hélio Laniado

Quando se fala sobre ativos de renda variável, é comum que investidores, principalmente que estão iniciando na Bolsa de Valores, fiquem em dúvida sobre escolher fundos imobiliários ou ações.

Você sabe o que é cada um desses tipos de investimentos?

Sabe para que eles servem?

Sabe quais as vantagens e desvantagens?

Para saber mais sobre eles, entendendo as informações mais importantes referentes a cada um desses investimentos de renda variável, não deixe de acompanhar esse artigo.

Ao final, você saberá exatamente o que escolher de acordo com suas necessidades e objetivos: fundos imobiliários ou ações.

Boa leitura!

Saiba o que é melhor: Fundos imobiliários ou ações!

O que são e para que servem os fundos imobiliários?

Os fundos imobiliários, também conhecidos como fundos de investimentos imobiliários ou FII, nada mais são do que fundos formados por grupos de pessoas que possuem um mesmo objetivo.

Esse objetivo é, justamente, realizar investimentos em ativos imobiliários, de modo a obter um bom dinheiro a partir da rentabilidade dos mesmos.

Assim, quando alguém investe em um fundo imobiliário, esse investidor adquire uma ou mais cotas do mesmo, ganhando dinheiro por meio da divisão dos rendimentos obtidos com os ativos.

Diferentemente de outros tipos de investimentos, os fundos imobiliários são administrados por um gestor profissional, que busca, encontra e aplica nos ativos que acredita que trarão uma boa rentabilidade.

Portanto, os fundos servem tanto para pessoas que desejam investir em imóveis de forma física, como em shoppings e hotéis, por exemplo, como também em títulos imobiliários, como as LCI.

Eles costumam ser indicados para investidores que pensam em investir a médio e longo prazo, tanto para os que querem proteger seu patrimônio, como pelos que procuram rendimentos.

O que são e para que servem as ações?

O próximo passo para saber o que escolher, fundos imobiliários ou ações, é conhecer mais sobre esses últimos.

As ações, para quem não conhece bem sobre elas, tratam-se de pequenas frações ou fatias do capital social de uma empresa.

Isso significa que ao investir em uma ação, você está comprando uma pequena parte daquela empresa em questão e, ao mesmo tempo, tornando-se sócio da mesma.

Como sócio, você tanto passará a participar dos lucros, como também será afetado por possíveis prejuízos que o negócio ou a corporação apresentar.

Assim, investir em ações significa que você passará a assumir os riscos por aquela empresa da qual tornou-se sócio, portanto, é mais indicada para quem possui o perfil de investidor arrojado.

As ações são muito buscadas por quem pensa em investimentos, majoritariamente, de médio e longo prazo, podendo também ocorrer aplicações de curtíssimo prazo, como no caso do day trade.

Seja como for, quem aplica em ações está buscando, em primeiro lugar, obter uma boa rentabilidade, fazendo seu dinheiro “render” com o tempo.

Agora que expliquei sobre esses dois tipos de renda variável, é hora de você conhecer mais a respeito das vantagens e desvantagens de cada um deles.

Vantagens e desvantagens dos fundos imobiliários

Você saberia dizer quais são as vantagens de aplicar seu dinheiro em fundos imobiliários? E se há desvantagens nesse tipo de investimento?

Calma que eu irei te explicar nos tópicos a seguir!

Vantagens de investir em fundos imobiliários

As principais vantagens desse tipo de investimento são:

  • Poderá ter uma rentabilidade constante, por meio do pagamento mensal dos dividendos, que são distribuídos entre os cotistas
  • Você terá total isenção dos dividendos obtidos pelos fundos, ao contrário do que ocorreria, por exemplo, se fosse receber aluguel de um apartamento próprio e alugado
  • Há possibilidade de começar a investir nesse tipo de aplicação com baixas quantias, o que permite que mais pessoas tenham acesso a ela
  • Poderá rentabilizar com a valorização das cotas, que podem ser vendidas, quando desejar, para outros cotistas do fundo
  • Você coloca as decisões dos investimentos a serem realizados nas mãos de um gestor profissional, isentando-se dessa preocupação e responsabilidade
  • Você terá que pagar menos taxas referentes àquelas que são exigidas para o caso da comercialização dos imóveis de forma direta

Desvantagens de investir em fundos imobiliários

As principais desvantagens desse tipo de investimento são:

  • Há algumas empresas que cobram taxas de corretagem, embora outras isentem os investidores
  • Se você for vender as cotas que possui, será cobrado imposto na quantidade de 20% do valor do lucro obtido
  • O valor pago na taxa de corretagem também terá incidência de imposto, o ISS (Imposto sobre Serviços)
  • Dependendo do momento econômico do país e do setor imobiliário, o valor das cotas podem cair, trazendo prejuízo na hora de vende-las, assim como a rentabilidade alcançada

Vantagens e desvantagens das ações

Agora irei mostrar a você quais são as vantagens e as desvantagens principais de investir seus recursos em ações!

Vantagens de investir em ações

As principais vantagens desse tipo de investimento são:

  • Será isento de imposto sobre os dividendos no valor de até R$ 20 mil
  • Você não ficará preso na necessidade de um valor mínimo para investir
  • Possibilidade de ter altos rendimentos, se fizer aplicações certas
  • Existe chances de que suas ações venham a valorizar-se, alcançando altos valores
  • Você terá a isenção de taxa de corretagem em algumas corretoras

Desvantagens de investir em ações

As principais desvantagens desse tipo de investimento são:

  • Algumas pessoas que começam a investir nesse mercado podem complicar-se, devido à falta de conhecimento a respeito do assunto
  • Dependendo do valor investido, quando é muito baixo, as altas taxas de corretagens não compensam
  • Esse é um tipo de investimento com alta oscilação, constantemente, e são de mais alto risco

Conclusão

Como você viu, para quem deseja fazer investimentos em renda variável, há a grande dúvida sobre se deve-se escolher os fundos imobiliários ou ações.

Neste texto, meu objetivo foi mostrar a você cada um desses dois tipos de investimentos, incluindo as vantagens e as desvantagens que eles apresentam.

Gostou do artigo de hoje sobre se é melhor escolher fundos imobiliários ou ações?

Deixe um Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *